Arquivo da tag: bicicleta

Pedal Verde na Horta Comunitária da Vila Anglo

pedal verde
Vamos lá? É só chegar… O Pedal Verde vai sair da Praça do Ciclista [Paulista x Consolação] às 14h30 em direção a Horta Comunitária da Vila Anglo [http://goo.gl/maps/nIkj8]. Dando sequência a série “hortas urbanas’ – depois da Horta das Corujas e da Vila Pompéia – vamos participar do grande mutirão programado para este sábado na horta da Vila Anglo.
Foram organizadas pelo grupo que estava presente no mini-mutirão do dia 20/04 as seguintes frentes de trabalho:
+ Cerca (responsáveis: Ricardo e Raimundo – 18m / 2 polegadas tubo, 14m de tela
+ Horta espiral/mandala (responsáveis: Barbara, Daniel e Radomiro)
+ Quadro de identificação das especies e respectivas propriedades (responsáveis: Dominique, Barbara e Fabio)
+ Viveiro de Mudas (responsáveis: Barbara, Dominique, Raimundo, Ricardo e Fabio)
+ Muro com Grafites (responsáveis: Fabio e Ricardo)
+ Sementeira (responsáveis: Barbara e Daniel)
+ Terra (responsáveis: todos)
+ Ferramentas (responsáveis: todos)
+ Mudas (responsáveis: todos)
+ Convite aos vizinhos (responsáveis: Caru e Fabio)
+ Campanha para todos trazerem Terra e Mudas (responsáveis: todos)[Obs: lembrando que como são ideias e planos pensados coletivamente e existem outras pessoas envolvidas na Horta Comunitária, alem de tantas outras pessoas que eventualmente vão se juntar ao grupo, estes planejamentos e direcionamento são dinâmicos, podendo ser alterados em acordo com as necessidades e novas ideias que forem surgindo ao longo do tempo]

Evento no livro de caras: http://www.facebook.com/events/165259116969417/?ref=3

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Agenda, Próximo Pedal Verde

Pedal Verde Eleitoral

Esse mês o pedal verde coincide com o segundo turno. Sendo assim remarcamos o horário para as 10h da manhã ali na casa do Agrônomo no Viveiro Manequinho Lopes (mapa aqui).

Resolvemos fazer bombas de sementes

RECEITA BÁSICA (Seed Balls, por Masanobu Fukuoka)

INGREDIENTES:
5 partes – terra argilosa peneirada (de preferência vermelha);
3 partes – composto (de planta, não incluir esterco animal);
1 parte – coquetel de sementes SECAS (procure incluir uma boa variedade, incluindo sementes de adubacão verde – feijao guandu – frutiferas, arbustos, legumes, etc.);
1 a 2 partes – água.

INSTRUÇÕES:
Adicionar o composto às sementes e misturar bem;
Adicionar a terra às sementes + composto e misturar até que esteja homogêneo;
Adicione a água passo-a-passo até que as bolas possam ser feitas, num diâmetro de até 1,5 cm (de preferência);
Secar as bolas de sementes à sombra, entre 1 a 2 dias;
Pronto! As bolas podem ser usadas imediatamente, ou armazenadas em local seco para uso posterior;
Para usar, simplesmente coloque ou jogue as bolas sobre a superfície, sem enterrá-las. Se possível escolha lugares onde a grama (quando houver) esteja bem baixa. Deixe-as sobre a terra até que a chuva as umedeça e inicie o processo…
Com a chegada da chuva a cobertura de terra se desfaz e as sementes começam a germinar. O composto por sua vez fornece aquela carga extra de energia à semente recém-brotada, e parte ao solo que vai receber a nova vida.
Depois de prontas as bombas, acreditamos que isso será perto das 12h, pedalaremos, para um pic nic, até a praça Homero Silva, perto da av Pompéia. No caminho semearemos nossas bombas de esperança por uma cidade melhor. No fundo não é isso que fazemos ao votar?

1 comentário

Arquivado em Próximo Pedal Verde

Pedal da Primavera

Verônica Mambrini na Dr. Arnaldo

Queridos amigos do Pedal Verde!!!

Chegou o tão esperado final do mês e de nosso encontro mensal e com ele a entrada da Primavera!!!!
Vamos nos encontrar, conversar , jogar sementes de Girassol, fazer BOLOTAS de Sementes e jogar nos canteiros mais acinzentados e curtir uma Primavera bem colorida!!!

Vamos aproveitar e colocar junto aos berços das árvores que serão plantadas, algumas das mensagens que foram escritas para as árvores e para um mundo melhor!!!

Faremos essa linda comemoração da Primavera na Praça Miriam de Barros e rever as árvores que foram plantadas, por isso quem tiver fertilizante ou poder compartilhar uma aguinha com elas será muito bem vindo!!!!

Praça Miriam de Barros!!!
http://maps.google.com/maps?hl=pt-PT&tab=wl

Vamos nos encontrar com o grupo no Viveiro Manequinho Lopes – Parque do Ibirapuera – Portão 7A a partir das 8h30 e as biciletas saem para plantar e cuidar do verde da cidade às 9h – 9h30.

Vamos nessa, comemorar a Primavera!!!
No final faremos um Picnic gostoso com petiscos e bebidinhas leves!!!
Tragam suas cangas e redes!!!
Até lá!

Deixe um comentário

Arquivado em Próximo Pedal Verde

Pedal Verde no Abraço Guarapiranga: preservação de nossa fonte de água e do verde do Código Florestal

O verde preserva as água de beber de quem vive em São Paulo,

A água de beber vem de mananciais e pessoas que precisam de cuidado e carinho,

A bicicleta nos leva sem poluir à fonte de beber e carrega a mensagem da cidade que queremos.

Convidamos àqueles que bebem água em São Paulo a abraçar a Guarapiranga, pela preservação deste manancial responsável pela água de 4 milhões de paulistanos,  e pela proteção do verde que mantém a água, em repúdio ao novo Código Florestal do Deputado Aldo Rabelo.

O Abraço Guarapiranga 2011: Água de beber, lazer e viver é iniciativa da Rede de Olho nos Mananciais em parceria diversas organizações da sociedade civil e apoio do poder público, e pretende chamar a atenção da população e do poder público para a importância da represa do Guarapiranga como fonte de água.

O evento acontece desde 2006 e vem se consolidando como uma importante oportunidade para a população de São Paulo expressar seu carinho com a centenária represa, e ao mesmo tempo seu inconformismo e protesto pela situação de degradação dos mananciais exigindo mudanças que garantam a preservação das fontes de água da cidade.

Incluímos nesse abraço, o nosso  apoio:

 à nota técnica da Campanha SOS Florestas (Veja a íntegra da avaliação critica do Novo Código – https://www.socioambiental.org/nsa/detalhe?id=3329;

ao estudo científico da SBPC- Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência –  http://www.sbpcnet.org.br/site/home/home.php?id=1478)

e às ações de preservação das nossas fontes de água, incluindo àquelas propostas no Placar Guarapiranga.

Sairemos do Parque Ibirapuera às 9hs para o Parque Barragem.

PROGRAMAÇÃO

29 de MAIO de 2011

Parque da Barragem – Av. Robert Kennedy, atura do n.1.200,  esquina com João de Barro

9.30  Oficinas ambientais, Atividades culturais,Capoeira, plantio e distribuição de mudas

10,30 Passeio Ciclístico do Abraço à Guarapiranga

12:00   Abraço simbólico à Guarapiranga

Jardim Ângela

8:00  Caminhada das Paróquias da Região ao Parque Ecológico Guarapiranga

10.30   Celebração religiosa no Parque Ecológico Guarapiranga e plantio de mudas

12:00 Abraço simbólico à Guarapiranga

Solo Sagrado

10,30  Atividades ambientais

12:00  Abraço simbólico à  Guarapiranga

Organizadores do Abraço 2011:

CDHEP – Centro de Direitos Humanos e Educação Popular de Campo Limpo

Conselho Gestor UBS Veileiros

Espaço Formação assessoria e Documentação

Grupo de Escoteiros Almirante Tamandaré

Instituto Vitae Civilis

Movimento Garça Vermelha – MOGAVE

Movimento Eco-Estudantil

Paróquia São Francisco de Assis

Rede Agenda 21

Sociedade Santos Mártires

Solo Sagrado de Guarapiranga

Universidade de Santo Amaro – UNISA

Deixe um comentário

Arquivado em Agenda, Próximo Pedal Verde

Pedal Verde no dia 1.o de Maio

Vamos relaxar e celebrar o dia do trabalho fazendo um bem por todos os moradores da nossa cidade!! Vamos plantar árvore e pedalar até a Praça Homero Silva! Este é o link do evento no FACEBOOK

Levem comidinhas para partilhar, muita energia, alegria e amor no coração!! Pedalando e Plantando com o Pedal Verde em SP!!

Deixe um comentário

Arquivado em Agenda, Próximo Pedal Verde

Triângulo das Grumixamas

Pra quem não conhece, essas são as frutas das grumixamas;

Começando pelo fim, plantamos três destas árvores no canteiro central da Avenida Gastão Vidigal, pouco antes da entrada do Ceasa.

Saímos como de costume pouco depois das 9h do viveiro, depois de consertar o pneu da Caren que havia furado e deixou a bem brava :)

No caminho a cidade estava calma e os motoristas até que gentis, quando saímos da ciclofaixa de lazer um de nós gritou; liberdade! Anda bem cheia a tal ciclofaixa, deveriam fechar a rua como um todo, ai o Joaquim poderia ir fora do caixote!

Até por que essa idéia de segregar as bicis num cantinho têm sido um tanto falha em nossa cidade, e não têm como deixar de ser pois não precisamos de uma via exclusiva, precisamos respeito. E pra isso acontecer é só a CET multar quem passa a menos de 1,5 metros de um ciclista ameaçando-o. A lei tá ai, precisa apenas ser cumprida.

Seguimos:

Chegando ao local fomos logo plantando o grupo de grumixamas, um triângulo para que possam ser esticadas redes ali.

E como de costume a conversa foi estendida, e as pessoas se espalharam pelas sombras conversando sobre o triste episódio de Porto Alegre e outras questões que borbulhavam em seus corações.

O Ronaldo trouxe seu sobrinho que deu uma volta de bici conosco também, e trouxe o gostoso sentimento de que essas crianças apaixonadas por bicicletas poderão melhorar muito a cara de nossa cidade!

4 Comentários

Arquivado em Diário do Pedal

Como foi?

Há uma semana,  foi o primeiro pedal verde deste ano. Foi longo…, o dia na praça estava tão bom que ninguém se movia para ir embora. Bom, mas comecemos do inicio.

Pneus cheios, cachorro (Joaquim) no bagageiro, lanches a postos, partimos.

Foto:Caren Lissa Harayama

Esticamos uma rede, cangas, relaxamos e também cuidamos das árvores da praça.  Até aulas práticas de poda houveram.

Podar? Sim? Não? Se sim como? Perguntas que ficam no ar, pois não são unanimidade, e que cada um consegue responder pra si com o tempo. Sem certezas, apenas com amor pelas plantas esperando fazer o melhor para elas.

Entre podas, testes em bicicletas alheias, houve também quem veio a praça na busca de remendo e mecânico né Toshio?

Ainda bem que o Márcio tá sempre bem preparado, uma Mão na roda!!!

Depois de tanto trabalho um merecido lanche!

E reparem no posicionamento estratégico das bicis cercando os lanches.

É que tinhamos mais interessados né Cyra?

Muitos cães nos fizeram companhia, e por todos os lados atacavam nossos lanches em ações coordenadas :)

Frescobol, boas conversas e quando fomos ver já eram pra lá das 16h. Houve um movimento de saída, que mais uma vez foi esvaziado. A sensação era de quero ficar aqui até anoitecer. E foi meio isso que aconteceu, a noite não chegou a cair, mas teve de vir o fim de tarde com seu sol ameno e as lembranças de que no dia seguinte, segunda feira, começa uma nova semana. Assim se passou esse dia ensolarado para um tanto de paulistanos que descobrem mais, e curtem, sua cidade a cada pedal verde.

4 Comentários

Arquivado em Diário do Pedal